quinta-feira, 30 de maio de 2013

Filé de Pescada Amarela - Receita Brasileira

 

Nesta receita os filés também são cozidos no bafo, preservando seu sabor e
sua umidade.
Utilizei pescada amarela marinada previamente com limão siciliano, um dente de alho, azeite e sal.
As opções de pescado podem ser inúmeras, robalo, arabaiana e pescada amarela são os mais indicados.


Ingredientes

500 gramas de filé de pescada amarela
01 – limão siciliano
01 – cebola pequena
02 – tomates
01 – pimentão verde
Sal a gosto
Salsa desidratada
Azeite - utilizaremos uma quantidade generosa.


Preparo

Temperar os filés com suco de limão, sal, azeite e um dente de alho picado.
Cobrir os filés com cebolas em rodelas.
Marinar por duas horas.
Utilizar panela baixa com tampa, deixando as cebolas embaixo dos filés e o caldo da marinada por cima.
Levar ao fogo brando e no final do cozimento acrescentar os pimentões e os tomates
Desligar o fogo quando o peixe adquirir coloração branca sinalizando que está cozido.
Regar os filés com o caldo do cozimento e azeite.
Decorar com salsa desidratada.
Tampar a panela e sirvir acompanhado de arroz à grega e batatas coradas.


Fotos - Breno Gazal







quarta-feira, 29 de maio de 2013

Pão Caseiro Recheado - Receita


MASSA


500 g - Farinha de Trigo
01 Envelope - Fermento Biológico Seco – 10g
500 ml - Leite Morno
01 colher de chá de açúcar
01 colher de sopa de manteiga
Sal a gosto

Cobrir a massa com pano seco durante uma hora, ela deverá dobrar de tamanho.
Esta massa deve ser dividida em duas porções.
Preparar uma superfície limpa, seca e com farinha de trigo para a montagem.
Abrir a massa com auxílio de um rolo, obtendo um formato arredondado de aproximadamente um centímetro de altura.
Em uma das extremidades da massa colocar metade do recheio escolhido, dobrando a mesma em formato de rocambole.
Pincelar a parte superior do pão com gema de ovo batida.
Utilizar assadeira untada com manteiga ou margarina e salpicada com farinha de trigo ou de aveia.
Levar ao forno durante aproximadamente 30 minutos em temperatura de 180 a 200 graus.




RECHEIOS – Medidas para dois pães



FRIOS E QUEIJO

200 g – Presunto ou Presunto de Peru
100 g – Salame Fatiado
100 g – Queijo Prato ou Mussarela
02 – Tomates Sem Sementes
Orégano a gosto
Sal


Preparo

Fatiar os frios e os queijos
Acrescentar os tomates sem sementes e escorridos em uma peneira.
Sal e orégano a gosto.



---------------------------------



RICOTA E ESPINAFRE


Ricota – 400 g
Espinafre – 01 Maço
Alho – 02 Dentes
Azeitonas Pretas
Sal
Azeite


Preparo

Dourar os dentes de alho em uma frigideira somente com azeite.
Refogar rapidamente as folhas do espinafre, salgando aos poucos.
Reserva em uma peneira para que os líquidos escoem. 

Adicionar a ricota e as azeitonas.


Fotos - Eduardo Gazal







Servir quente, regado com azeite ou coberto por queijo cremoso.


Tutu do Edu - Vídeo no Canal Futura

http://www.youtube.com/watch?v=fVTywRc5hTA

Link –  Rango Bom no Canal Futura
Receita – Tutu do Edu
Episódio 11

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Camarão no Bafo - Receita


Ingredientes


250 g – Camarão Sem Cabeça
500 g – Camarão limpo, sem casca e sem cabeça
04 – Tomates Maduros
01 – Pimentão Verde
01 – Cebola
01 – Dente de alho
Azeitonas Pretas a gosto
Salsa a gosto
Coentro a gosto
Azeite a gosto
Sal a gosto



Preparo

Temperar os camarões com sal e um dente de alho picado.
Reservar os camarões em refrigeração por meia hora.
Em uma panela baixa com tampa, adicionar um fio de azeite e corar os camarões por poucos minutos. Reservar.
Os camarões não podem ficar em contato com o calor da panela por longos períodos, irão se desidratar e perder a umidade natural de sua carne.
A partir deste ponto podemos pensar na elaboração dos vegetais que irão integrar a receita.
Na mesma panela em que os camarões foram cozidos, acrescentar uma cebola e um pimentão cortados em tiras. Adicionar também dois tomates cortados em cubos com pele e sementes, deixar os vegetais em fogo brando para que comecem a amolecer e soltar seus sucos.
Este processo servirá como base a finalização da receita.
Adicionar o restante dos ingredientes e no final os camarões.
Regar com azeite e decorar com salsa picada.
Servir acompanhado de arroz, batatas coradas ou legumes cozidos.



terça-feira, 7 de maio de 2013

Minha Terra - Recife





Fotos - Eduardo Gazal
Recife - Pernambuco - Brasil
Fotos feitas com celular nas minhas pescarias.

Mini Caldeira - Receita

Esta receita pode ser chamada de mini caldeirada.
Deve ser feita em panela grande ou caldeirão para feijoada.
Pode ficar mais completa se for acrescida de outros frutos do mar e também azeite de dendê.
Nesta versão utilizaremos arraia, marisquinho e camarão.


Ingredientes

300 g – Filé de Arraia
500 g – Marisquinho
200 g – Camarão Limpo - Sem cascas
200 ml – Leite de Coco
04 – Tomates Maduros
02 – Cebolas
01 – Pimentão Verde
Salsa a gosto
Coentro a gosto
Azeitonas Pretas


Preparo

Sempre começo fazendo no fundo do caldeirão uma caminha com cebolas douradas no azeite.
Este processo ajudará no cozimento dos frutos do mar, evitando que fiquem queimados.
Colocar em seguida os filés de arraia e os marisquinhos  previamente lavados e escorridos.
Cozinhar em fogo brando e aproveitar os sucos que irão se soltar principalmente dos marisquinhos.
A partir deste ponto tudo fica fácil.
Acrescentar todos os ingredientes restantes, onde os vegetais devem ser cortados em cubos pequenos e os camarões sem cascas e cabeças.
O único cuidado deve ser tomado com o leite de coco, colocar aos poucos para não comprometer o sabor da preparação.
O ponto ideal será o momento em que as cebolas e o pimentão se desmancharem devido ao calor da mistura.
Servir com farinha branca, farofa ou arroz.


Fotos - Eduardo Gazal



Foto - Arraia desfiada





Foto - Marisquinho hidratado em água e gotas de limão

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Arraia ao Leite de Coco – Receita






Ingredientes

500 g – Filé de arraia desfiada
200 ml - Leite de coco
100 ml – Água mineral
01 – Cebola cortada em cubos
01 – Cebola cortada em duas partes
01 – Tomate cortado em cubos
01 – Pimentão verde cortado em cubos
Azeitonas pretas grandes
Azeite a gosto
Sal a gosto
Cúrcuma a gosto
Salsa a gosto



Preparo

Em uma panela baixa untada com azeite, colocar as cebolas em cubos para dourar.
Acrescentar os filés de arraias em cima da cobertura de cebolas.
Deixar por alguns minutos, despejar a água mineral e tampar a panela.
Nesta etapa observar o cozimento dos filés de arraia.
Eles devem amolecer e se incorporar à cebola e ao azeite.
Verificar a carne e, se necessário, acrescentar mais um pouco de água mineral.
O objetivo deste processo é amolecer a carne do pescado, o que pode ser verificado com a ponta de uma faca ou garfo.
A partir desta etapa iremos agregar à receita os outros ingredientes.
Colocar o pimentão, o tomate e as azeitonas.
Tampar a panela e reduzir o caldo proveniente da mistura dos vegetais à carne.
Colocar o leite de coco aos poucos, meia colher de café de cúrcuma e provar o sal.
Acrescentar as cebolas em rodelas e salsa picada a gosto.
A preparação  com o cozimento em fogo brando irá adquirir coloração devido à utilização da cúrcuma, do tomate e da salsa.
Também irá reduzir a quantidade de líquidos e o sabor do leite de coco será neutralizado pelos temperos e vegetais da receita.
Desligar a panela, decorar com mais um pouco de salsa e servir após alguns minutos.


Foto - Eduardo Gazal


domingo, 5 de maio de 2013

Arraia Marinha – Como cortar, limpar e preparar sua carne.


Como tenho privilegio de morar em Recife, antes que a cidade se transforme numa metrópole irreversível, tenho o hábito de pescar todos os finais de semana.
Pesco desde os seis anos de idade, apreendi no litoral paulista, com meu avo paterno e meu pai.
Tenho como hábito a pesca com anzóis, porém, utilizo os grandes e apenas retiro do mar peixes que alimentam minha família e de amigos.
Devo dizer que levo mais para o mar do que ele me entrega.
Mas a coisa deve funcionar assim, vou pescar com iscas variadas e orgânicas que irão contribuir com a alimentação de vários organismos marinhos.
Isso quer dizer que o oceano me retribui.
No início da semana santa levei meus dois filhos menores e mais três amigos para pescar.  As idades variavam de 11 a 13 anos, quatro meninos e uma menina.
Aventura total, mas faltava algo, cadê os peixes.
Chegamos em nosso point às 23 horas do sábado, passamos a noite pescando e fomos agraciados no final da empreitada com duas arraias, uma de aproximadamente 5 Kg e outra de 10 Kg.
Com tanta proteína animal de qualidade, alimentamos quatro famílias.
Chegamos ao ponto crucial, como limpar, tratar e saborear os presentes que recebemos do mar.


Como Cortar e Preparar a Carne das Asas
Nas arraias que pescamos, troxemos para casa as asas. Um amigo pescador ficou com as outras partes, não desprezamos nada.
O primeiro passo é retirar da pele da arraia o muco, que alguns chamam manteiga.
Retirei esfregando laranja e em seguida colocando as asas em água corrente.
Retirei a pele da arraia com uma faca bem afiada, separei a carne do couro, a arraia não é um peixe de escamas.
Carne separada, temperei os filés com laranja, sal e folhas de louro.
Levei a carne para um caldeirão grande e acrescentei cebolas, deixar em fogo brando, a carne ficou o tempo necessário para ficar cozida.
Retirei a carne cozida e reservei.
Desfiei os filés, retirando a cartilagem, a carne branca servirá para inúmeras preparações.



Novas fotos em 06-01-2014







Assista vídeo no link abaixo: 

Coluna Web Gourmet - Portal NE10


Aprenda a preparar uma moqueca de arraia

Publicado em 13/01/2014, às 15h33 | Atualizado em 19/07/2014, às 07h15






Fotos - Eduardo Gazal

Visite o Site Culinária Árabe Eduardo Gazal

O site abaixo trata da Culinária Libanesa no Brasil

Culinária Arabe - Eduardo Gazal

http://culinariaarabe-eduardogazal.blogspot.com.br/

sábado, 4 de maio de 2013

Filé de Peixe no Bafo - Receita






Minha receita com alguns ingredientes utilizados pelos libaneses e um peixe do nordeste do Brasil.


Os libaneses temperam seus pescados com sal e em algumas receitas pimenta do reino.
Os peixes geralmente são inteiros, com a cabeça e os olhos são retirados.
Posteriormente são fritos ou assados em forno.
Nesta receita os filés são cozidos no bafo, preservando seu sabor e
sua umidade.
Utilizei pescado fresco.
A combinação da canela da china com a pimenta do reino proporcionaram um sabor diferenciado.


Ingredientes

400 gramas de filé de Arabaiana  
01 – limão
12 – azeitonas pretas grandes
01 – cebola pequena
01 – colher de café de pimenta do reino ( podemos diminuir a
quantidade conforme o paladar individual )
01 – colher de café de canela da china ( podemos diminuir a
quantidade, a canela não deve dominar o sabor da preparação )
01 – tomate batido em liquidificador
Tiras de pimentão vermelho
Tiras de pimentão verde
Sal a gosto
Folha de Louro
Azeite - utilizaremos uma quantidade generosa.


Preparo

Temperar os filés com suco de limão, sal, meia colher de café de pimenta do reino e meia colher de café de canela.
Cobrir os filés com cebolas em rodelas.
Marinar por duas horas.
Utilizar panela baixa com tampa, deixando as cebolas embaixo dos filés e o caldo da marinada por cima.
Cobrir o pescado com tiras de pimentão, azeitonas e o restante da
pimenta do reino e canela.
Levar ao fogo brando e durante o cozimento acrescentar algumas
colheres de molho de tomate nas laterais da panela.
Desligar o fogo quando o peixe adquirir coloração branca, demonstrando
que está cozido.
Regar os filés com o caldo do cozimento e azeite, tampar a panela e servir.
A utilização do azeite é fundamental, colocar um pouco no início para
o peixe não grudar no fundo da panela e finalizar com mais um fio de azeite.


Fotos - Eduardo Gazal